Fenapef trabalha no Congresso para evitar danos à categoria na Reforma Administrativa

Relatório é aguardado e pode ser votado na Comissão Especial, ainda nesta quarta-feira (22)

Fonte: Comunicação Fenapef

Data: 22/09/21

A Reforma Administrativa (PEC 32/20) ainda não foi à votação na Comissão Especial, mas se desenrola com força nos corredores e gabinetes do Congresso Nacional. A Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef) participou, nessa terça-feira (21), das articulações. Diretores da Federação e representantes dos sindicatos se reuniram com os deputados Aluísio Mendes (PSC-MA) e Sanderson (PSL-RS) para garantir que o texto não desmonte conquistas da categoria.

A articulação dos policiais federais e dos parlamentares que representam a categoria já conseguiu evitar que agentes, escrivães, peritos e papiloscopistas sejam relegados a uma espécie de ‘segundo time’, fora das carreiras típicas de Estado. Trechos que haviam sido incluídos em relatório não oficial e que destacavam apenas os delegados, criando até a figura do Delegado Geral (em vez de Diretor Geral) da Polícia Federal e o foro privilegiado para essa função foram retirados do texto elaborado pelo relator Arthur Maia (DEM-BA).

O relatório final ainda é um mistério, já que ele foi alterado por diversas vezes. Ainda assim, a expectativa é de que o texto seja apresentado, debatido e votado nesta quarta-feira (22) na Comissão. “No plenário, a briga vai ser ainda maior” avalia o presidente da Fenapef, Luís Antônio Boudens.

Oito partidos da oposição – PT, PDT, PSB, Psol, PCdoB, Solidariedade, PV e Rede – anunciaram a decisão de votar contra a proposta. Dois partidos pedem um texto ainda mais reformador da PEC 32. A oposição considera pedir ao presidente da Câmara, Arthur Lira, que retire a PEC de tramitação.

OUTRAS NOTÍCIAS

Não há projeto de carreira em discussão interna, nem em tramitação junto ao Governo

5º Prêmio Policiais Federais de Jornalismo já tem seus 15 finalistas

Sanderson detalha atuação no Congresso em defesa dos direitos dos policiais federais

Presidente Boudens e deputado Aluísio Mendes abrem a AGE da Fenapef