Fenapef e sindicatos definem calendário de manifestações para as próximas semanas

Reunidos em assembleia virtual, eles também decidiram fazer uma grande marcha no dia 1º de junho

Fonte: Comunicação Fenapef

Data: 06/05/22

Policiais federais montaram um calendário de manifestações para as próximas semanas. Na próxima quinta-feira, (12), eles voltam a protestar para manter em evidência a indignação da categoria com a inércia e os recuos do governo em relação à reestruturação da carreira. Em todos os estados, haverá protestos.Na quinta-feira seguinte, dia 19, haverá uma nova rodada de atos. No dia 1º de junho, policiais federais se unirão aos policiais rodoviários federais numa grande marcha em Brasília. Representantes dos policiais federais de todo o país vão se reunir para pressionar o governo federal a atender às demandas das forças policiais da União. Outdoors também estarão espalhados por Brasília e por todo o País para explicar aos brasileiros as razões dos protestos.

O calendário foi definido em Assembleia Geral Extraordinária, convocada pelo presidente da Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef) nesta sexta-feira (6) e que reuniu presidentes dos 27 sindicatos.

A Fenapef garante que o atendimento à população não será prejudicado, mas a categoria se manterá em estado de mobilização permanente, avaliando e definindo os próximos passos a serem tomados, até ter suas demandas atendidas. “O governo federal tem uma dívida com os policiais federais e, para que ela seja quitada, basta uma decisão política do governo”, disse o presidente da Fenapef, Marcus Firme.

OUTRAS NOTÍCIAS

Policiais federais vão intensificar trabalhos para demonstrar importância da categoria

Nota de solidariedade aos colegas PRFs assassinados em missão

Policiais federais suspendem manifestações da próxima semana

Policiais federais realizarão manifestações em todo Brasil; protesto em Teresina será na sexta