Em reunião com a AGU, Fenapef e FenaPRF cobram parecer sobre paridade e integralidade

Documento é parte do acordo que permitiu a aprovação da Reforma da Previdência

Fonte: Comunicação Fenapef

Data: 28/11/19

Representantes das Federações Nacionais dos Policiais Federais (Fenapef) e Rodoviários Federais (FenaPRF) estiveram na Advocacia Geral da União (AGU) nesta quarta-feira (27), para reforçar o pedido pelo parecer que formaliza as garantias de que a paridade e integralidade das aposentadorias e pensões da categoria serão mantidas. Ou seja, ele valerá como norte para todos os processos que, eventualmente, precisem deliberar sobre o tema. Também foi discutida a necessidade de chancela presidencial para extensão dos seus efeitos

O presidente da Fenapef, Luís Antônio Boudens, explicou à procuradora Karoline Busatto que é importante que a AGU formalize a decisão ainda neste ano, para evitar judicializações da questão. O parecer é parte do acordo feito com os representantes das forças policiais para garantir a aprovação da Emenda Constitucional 103/2019, que estabeleceu as novas regras para a Previdência.

“O combinado foi que o texto seria apreciado pelo Congresso como a alternativa possível e que, assim que a Emenda Constitucional fosse promulgada, a AGU apresentaria parecer corroborando a paridade e a integralidade”, explicou o diretor jurídico da Fenapef, Flávio Werneck.

A procuradora disse que a AGU está analisando a demanda e nova reunião será marcada em breve, para a análise e discussão do parecer.

OUTRAS NOTÍCIAS

Fenapef evita desconto nos contracheques de 39 policiais federais

Último lote das ações das diárias será protocolado na próxima semana

Policiais Federais se despedem de Paulo Nunes de Almeida

Nota de Pesar - Carlos Lúcio Menezes