Fenapef apoia prêmios, congressos e debates que destacam a importância da reconstrução da segurança pública

Além do Prêmio Policiais Federais de Jornalismo, Federação garante suporte a eventos que destacam a relevância da construção de uma sociedade mais segura

Fonte: Comunicação Fenapef

Data: 31/08/21

A Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef) tem se empenhado em participar de eventos, congressos, seminários e premiações que, de alguma forma, garantam o reconhecimento a quem trabalha pela construção de uma segurança pública melhor, mais eficiente e mais eficaz.

A principal iniciativa da Fenapef, o Prêmio Policiais Federais de Jornalismo, já entrou para o calendário dos profissionais de imprensa voltados para a cobertura de temas relacionados à Justiça e Segurança. A quinta edição da premiação está com as inscrições abertas. Podem concorrer reportagens sobre segurança pública publicadas de 1º de agosto de 2020 a 31 de julho de 2021, em veículos de comunicação brasileiros. Serão distribuídos R$ 28 mil reais para trabalhos jornalísticos veiculados em TV, Jornais, Revistas, Rádios, Sites e Blogs Jornalísticos. No ano passado, foram inscritos 136 trabalhos de 66 jornalistas.

A Fenapef também é uma das entidades que apoiam o Prêmio Congresso em Foco. A premiação, uma das mais aguardadas do calendário político de Brasília, elege os congressistas mais bem avaliados do país. A 14ª edição do prêmio será concluída em 21 de outubro, quando serão conhecidos os deputados e senadores que melhor representam a população. O presidente da Fenapef, Luís Antônio Boudens, diz que a entidade apoia a premiação, pelo segundo ano consecutivo, por entender que a iniciativa possibilita o reconhecimento da atuação política do parlamentar, identificando aqueles que se preocupam com a segurança e o serviço públicos.

Mulheres na Polícia

No último fim de semana, também com o apoio da Fenapef, aconteceu o III Congresso Mulheres na Polícia. O objetivo do encontro, que reuniu policiais femininas de todas as corporações, foi debater como as mulheres se inserem na lógica das estruturas de segurança e como essas forças acolhem e interagem com a presença da mulher.

O presidente da Fenapef disse que o evento se torna ainda mais importante no momento em que a estrutura sindical dos policiais federais está consolidando a implementação da Diretoria da Mulher. Ele ressalta que a Federação sempre foi parceira da maior participação de mulheres, tanto na corporação quanto nas representações sindicais.

Entre as palestrantes do evento três policiais federais se destacaram: a presidente do Sindicato dos Policiais Federais em São Paulo (Sinpf-SP), Susanna do Val Moore, a escrivã Cláudia Horchel e a agente Daniela de Almeida.

Foram muitas as policiais federais presentes ao Congresso. Entre elas, a presidente do Sindicato dos Policiais Federais de Santa Catarina, Karin Peiter, e a diretora adjunta, Maitê Marcolan Candaten. Do Paraná, estiveram presentes a secretária-geral do Sinpef/PR, Luciana Brungari, a conselheira Maria Inês Malinowski de Paris Slussarek e a colega Aidil Cunha. Representando o Sindipol/BA, participaram a diretora Financeira Maize Sarno e a vice-diretora Parlamentar Adriana Moscoso. A vice-presidente do Sindicato do Ceará (Sinpof-Ce), Nara Lúcia Cavalcante também participou do Congresso, assim como a diretora de Assistência Social do Sindicato do Espírito Santo (Sinpf- ES), Alzira Souza.

OUTRAS NOTÍCIAS

Fenapef trabalha no Congresso para evitar danos à categoria na Reforma Administrativa

Presidente da Fenapef participa de abertura da exposição PF em Ação no Paraná

Agente federal e psicólogo lança, em meio eletrônico, "Drogas, problema meu e seu"

Fenapef leva demandas dos servidores administrativos filiados e apoio ao Sinpecpf ao MJ