Saúde mental de policiais durante a pandemia é tema de debate na Câmara

Boudens lembra que problema não é novo e destaca estudo da Fenapef sobre índice de suicídio entre PFs

Fonte: Comunicação Fenapef

Data: 10/06/21

O presidente da Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef), Luís Antônio Boudens, voltou a falar sobre problemas relacionados à falta de apoio e suporte para a saúde mental de policiais federais. Ele participou de audiência pública na Comissão de Segurança Pública da Câmara dos Deputados nessa quarta-feira (9). Em debate, a saúde emocional das forças de segurança em tempos de pandemia.

Boudens ressaltou que depressão e suicídios não são uma consequência de tempos pandêmicos e que a Fenapef já mapeia o problema desde, pelo menos, 2010. Lembrou que, inclusive, as sugestões da Federação para o enfrentamento e melhoria das dificuldades dos profissionais de segurança pública foram incorporadas à Portaria Interministerial nº 2, de 2010.

OUTRAS NOTÍCIAS

Alerta: “A PEC 32 vai promover o desmonte do serviço público”

Na abertura do Congresso do IEDF, presidente da Fenapef defende humanização das forças policiais

Presidente da Fenapef é um dos autores do livro ‘Prevenção: Instrumento e Fraternidade’

Organização anacrônica das polícias atrapalha eficiência da segurança pública brasileira