Policiais federais seguem em estado de mobilização para demonstrar insatisfação com o governo federal

Representantes da categoria estiveram reunidos nesta quarta, 1º, em Brasília e anunciaram manifestações nos Estados

Fonte: Comunicação Fenapef

Data: 01/06/22

Representantes da Federação Nacional dos Policiais Federais, Fenapef, realizaram um ato nesta quarta-feira, dia 1º, em frente à sede da PF na capital. O movimento foi para mostrar, mais uma vez, a insatisfação pelas promessas não cumpridas de reestruturação da carreira policial federal. O presidente da Fenapef, Marcus Firme, lembra que o momento é difícil, porque “o governo muda a todo momento o que fala. Vamos continuar mobilizados nos estados”.

Desde meados de maio, os policiais federais decidiram intensificar os trabalhos de fiscalização em portos, aeroportos, empresas de segurança privada, clubes de tiro e concessão de registros de porte de armas para caçador, atirador e colecionador (CAC).

“O governo insiste em não cumprir o mínimo que deveria ser destinado às forças policiais, para recompor as perdas da categoria nos últimos anos. É uma situação inconcebível”, conclui Marcus Firme.

Policiais de todo o país prometem manter o movimento, para que seja cumprido o compromisso assumido pelo presidente Jair Bolsonaro de reestruturar as Forças de Segurança da União. Na manifestação deste dia primeiro, estiveram presentes também representantes de vários sindicatos estaduais. A Fenapef continua atenta às movimentações em torno do tema.

OUTRAS NOTÍCIAS

Nota de Repúdio

Medida Provisória n° 1.080/21 – Fenapef esclarece o tema para policiais federais

MP 1080 representa conquista histórica para Fenapef

Cidadania eleitoral é tema de curso que visa aumentar a conscientização nas próximas eleições