Fenapef lamenta falecimento de José Calixto Ramos

Líder sindical faleceu nessa quarta-feira (3), vítima de complicações da Covid

Fonte: Comunicação Fenapef

Data: 05/02/21

A Federação Nacional dos Policiais Federais (Fenapef) recebe com imensa tristeza a informação de que faleceu na noite dessa quarta-feira (3), o presidente da Nova Central Sindical de Trabalhadores (NCST), José Calixto Ramos. Ele tinha 92 anos e havia contraído Covid-19.

Com longa história de serviços prestados à organização sindical brasileira, Calixto também presidia a Confederação Nacional dos Trabalhadores na Indústria.

O presidente da Fenapef, Luís Antônio Boudens, disse que essa é uma das perdas mais sentidas nesses tempos de pandemia. "Perdemos em integridade e em parceria com lealdade, ganhamos com o exemplo e a referência de luta, respeito e honradez, que ficam como legado."

Outras entidades também se manifestaram. A NCST, “com profundo pesar e um misto de dor e consternação”, afirmou ter perdido “seu líder maior”, além de ter decretado luto de sete dias. Em nota conjunta, presidentes das cinco outras centrais sindicais – CUT, Força Sindical, UGT, CTB e CSB – também manifestaram “profunda dor” pela morte do “companheiro” Calixto. Essas entidades compõem, ao lado da NCST, o Fórum das Centrais.

A Fenapef se une à dor de familiares, amigos, companheiros de jornada e todos aqueles que, de algum modo, participaram e participam da construção e fortalecimento do sindicalismo e da representatividade de classe no nosso País. "Perdemos um grande líder, mas não a vontade de lutar".

OUTRAS NOTÍCIAS

Policiais Federais e PRFs articulam criação de Regime Jurídico específico com deputado Nicoletti

Fenapef luta para evitar que "PEC Emergencial" congele futuros reajustes, progressões e promoções

Eleições para nova diretoria da Fenapef e Conapef: momentos decisivos neste ano

Fenapef e Sinpef/MG promovem rodada de reuniões para retomada de ações sindicais